• Diquinhas básicas para lavar e secar roupa

    by  • 11/04/2013 • Lavanderia • 3 Comments

    Cesto de roupa limpa. Foto: Inmagine.

    Nesta nova fase da nossa vida, passei a lavar roupas com mais frequência e aprendi a usar a secadora de roupas também. Apanhei um pouco das máquinas da lavanderia do prédio nas primeiras semanas, mas consegui descobrir como funcionam e cheguei a uma rotina de lavar e secar que se encaixa bem na minha rotina.

    Enfim, aqui vão algumas das minhas dicas para você que está começando nessa vida doméstica e não quer cometer os mesmos erros que eu (jamais esquecerei do dia em que tentei lavar blusas de lã pela primeira vez e precisei bater três máquinas…).

    Separe por cor

    Descobri que um dos segredos de roupas com cores e tecidos bem conservados é lavar separadamente brancas de coloridas. É besta, óbvio pra muito gente, mas faz a maior diferente. Além de evitar que as coloridas soltem tinta e manchem tudo e que as brancas soltem pelinhos nas escuras, você pode  pode usar produtos específicos e conseguir resultados melhores.

    Peças semelhantes juntas

    É mais prático lavar tudo que está sujo junto, mas é mais eficiente separar os tipos de tecidos/necessidade. Assim, você pode escolher diferentes modos da lavadora/secadora e usar com mais eficiência, além de usar os produtos cheios das frescurinhas pra cada coisa. Se serão mil separações ou poucas, depende de você, da capacidade da sua máquina e da sua paciência.

    Pra lavar, eu costumo separar em roupas (uma máquina de brancas, uma de escuras) e toalhas, lencóis e afins. Pra secar, separo entre “pode secar na potência máxima sem medo de ser feliz” (toalhas e lençóis), “pega leve aí” (roupas em geral) e “seca só de levinho que vou passar depois” (camisas!).

    Faça o checkup

    Quem nunca esqueceu um pedaço de lenço de papel no bolso da calça e ficou com as roupas todas cheias de pedacinhos malditos que atire o primeiro sabão de coco. Antes de jogar tudo na máquina, fuce cada bolso à procura de possíveis vilões (brincos, dinheiro, papéis…). Aproveite para desvirar o que estiver ao contrário e desenrolar as mangas das camisas.

    Produtos adequados

    Não sou fã de cândida nem de outros alvejantes com cloro. Sempre acho que vou deixar espirrar na minha roupa e manchar tudo, ou errar a mão na quantidade e corroer as roupas todas na máquina. Para tirar manchas, prefiro produtos específicos como Vanish (assumidamente meu queridinho), que tem suas versões para as brancas e coloridas.

    Para lavar roupas escuras, fujo do sabão em pó, que pode deixar umas mini manchinhas brancas (restos de produto que não dissolveu direito). Você pode usar sabão líquido comum ou um especial para roupas pretas (o que ajuda a adiar o dia em que seu pretinho básico fica grafite, puído… Eu gosto do Woolite).

    No mais, gosto de sabão líquido e amaciante concentrados (o litro sai mais barato, evita desperdício de água, demora mais pra acabar, ocupa menos espaço no armário, tudo de bom) e muito, mas muito cheirosos. Meus amados de longa data são Omo e Comfort. Mas, aí no Brasil, eu curtia muito uma marca chamada Ecobril, que tem produos biodegradáveis (era menos cheirosa, então deixava para lavar coisas de cozinha e panos de chão, mas tinha preço bom e o plus de ser muito melhor pro meio ambiente).

    Roupas delicadas em sacos protetores

    Minha cunhada Mayra que me ensinou (ela me ensina altas coisas, né? :)): roupas delicadas (seja pelo material, pelos detalhes ou o que seja) podem ser lavadas na máquina desde que protegidas dentro de saquinhos protetores feitos de tela. A água e o sabão entram e saem na boa, mas a roupa não fica em contato com as outras e não puxa fio, não faz bolinha e por aí vai.

    Secagem delicada para não encolher

    Alguns tipos de tecido encolhem na secadora. Roupas de algodão são um exemplo. Pra evitar o transtorno das blusas que ficam indesejavelmente coladinhas, pegando no sovaco da gente (ai, que fina…), seco todas as roupas no modo delicado. Demora mais, mas, em geral poupa o stress depois.

    Cuide, mas desapegue

    Quanto mais a gente cuida com carinho, melhor a roupa passa pelo processo todo. Mas, como todos os bends materiais do universo, roupa estraga. Então, já prepare o coração e desapegue caso algo dê errado (bolinhas, fio puxado, manchas, furos e por aí vai..).

    About

    Já queimei arroz, mas hoje faço o melhor molho à bolonhesa da cidade!

    3 Responses to Diquinhas básicas para lavar e secar roupa

    1. Patty Lenner
      12/04/2013 at 3:34 pm

      Adorei as dicas! Esse Woolite Pretas eu nunca havia ouvido falar!
      Obrigada!
      E como anda a vida longe do Brasil?
      beijos!

    2. Tati
      15/04/2013 at 4:16 pm

      Adorei as dicas…..

      Bjsss

    3. Pingback: Decoração para a lavanderia | Recém-casada

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *